Resenha Esfoliante Granado

quarta-feira, 3 de setembro de 2014


Quem leu o post 100 Must Buy segundo a Vogue já viu que o Esfoliante Corporal da Granado, recomendado pela revista, estava na minha wishlist há algum tempo. Eu nunca tinha esfoliado o meu corpo! Honestamente, nunca tinha sentido a necessidade.

Mas de repente minhas pernas não estavam mais curtindo o depilador elétrico que eu usava, e alguns pelinhos estavam encravando (too much information pra você?). Lendo alguns blogs de beleza descobri que isto era super normal e que era tarefa do esfoliante corporal melhorar esta situação ao "raspar" a pele morta e "desencravar" os pelos, deixando tudo pronto para pernas de revista!

Apesar de não ser o ideal, usei algumas vezes o Esfoliante Energizing Neutrogena Deep Clean da minha irmã para passar nas pernas, já que tinha achado muito forte para a pele sensível do rosto. Não achei ruim não, mas quis comprar um específico.


Quando estava dando uma passadinha na loja da Granado, resolvi comprar o Kit Esfoliante e Manteiga Lavanda (R$33), pois a minha mãe estava precisando de um hidratante e eu sabia que o esfoliante da marca tinha sido recomendado pela mãe de todas as revistas de beleza. Cada produto do kit tem 60g, enquanto os full sizes têm 200g (a manteiga sai por R$29 e o esfoliante, R$41). Como sempre, o kit é proporcionalmente mais caro, mas é bom para testarmos os produtos. Além de vir com esta caixinha (de papelão) que pode ser usada para outra coisa depois.

Escolhi o de Lavanda pois achei o cheiro mais gostoso, mas os outros não são muito diferentes. A embalagem é simples e bonita, mas potes com tampa de virar não são indicados para produtos que deixamos no box e usamos com as mãos molhadas. Fica um pouco escorregadio para abrir. O ideal seria um tubinho com tampa de levantar (haja sabedoria de termos técnicos haha).


Quando abre a tampinha, há uma proteção tipo a de iogurte. Dá para removê-la, mas eu resolvi deixar. A textura é bem diferente da que eu esperava. Ao invés de um produto grosso e pesado com textura granulada, o Esfoliante Granado é um tanto líquido! Nas fotos acima, por exemplo, os grãozinhos, feitos de açúcar, são quase imperceptíveis. O óleo (de castanha do Brasil) parece ser a parte principal e, com a manteiga de cupuaçu, ajuda na hidratação da pele.

Antes de aplicar, é necessário misturar o produto com o dedo para não pegar apenas o óleo. Para fazer efeito é preciso pegar bastante esfoliante pois os grãos se desfazem enquanto você espalha (o que é sustentável, já que não vai para o ralo), ou seja, você precisa de muitos grãos para passar nas pernas (especialmente se elas foram longas que nem a da Ana Hickmann). Como os grãos são pequenos e meio escassos, a esfoliação é bem leve e não ajuda muito na questão dos pelos encravados, mas dá uma melhorada na textura e maciez da pele. Se isto é o que você procura e se sua pele é sensível a esfoliantes mais pesados, este da Granado é uma boa opção. Mas eu não curti muito e não pretendo comprá-lo novamente.

Quanto à manteiga que vem junto, minha mãe disse que deixa a pele melada e não é hidratante o suficiente para este inverno seco (sendo que manteigas costumam ser mais hidratantes que loções, por exemplo).


E vocês? Já experimentaram o Esfoliante ou a Manteiga da Granado? O que acharam?

Seja o primeiro a comentar