Resenha theBalm Mary-Lou Manizer

segunda-feira, 6 de outubro de 2014


Antes de me interessar por maquiagem, nem sabia da existência do iluminador, objeto da resenha de hoje. Acho que isso significa que ele não é super essencial. Para a maioria da população, pelo menos, porque as gurus não vivem sem! E se você se interessa, precisa conhecer este aqui, um dos mais famosos por aí...

O Mary-Lou Manizer na verdade é da minha irmã. Mas como eu já usei (e indiquei), resolvi fazer a resenha para mostrar a vocês. Ele é da theBalm, uma marca californiana cruelty-free e sem parabenos. Preciso falar que as embalagens deles (e os nomes dos produtos) são thebombdotcom (gíria americana para coisas muito legais)?

Clique nas fotos para ampliá-las

A caixinha tem a mug shot (aquela foto tirada na polícia) de uma pin-up (que para mim é um mix da Taylor Swift com aquela menininha de Os Batutinhas) com as informações (como endereço da companhia e avisos) escritas em uma ficha de polícia. Até as digitais da Mary-Lou estão lá hehe. E tem um QR Code para um tutorial em vídeo (que eu nunca vi porque não sei usar este treco). Não é uma graça? Todos os produtos da marca são assim, meio vintage, inclusive as irmãs da Mary, a Betty-Lou (bronzer) e a Cindy-Lou (blush iluminador).


A embalagem do produto tem a mesma imagem, mas ele é redondo e fino. O material é leve apesar de ter um espelho bem grande dentro (tem gente que gosta, mas para mim não faz diferença porque eu nunca uso estes espelhinhos) e bastante produto (8,5g, um pouco menos do que os 10g do MAC Mineralize Skinfinish).


Abaixo está um swatch pesado do iluminador para mostrar bem o tom dele, que é um dourado claro meio champagne. Fica bem tanto em pessoas com tons mais frios (os NWs da MAC) quanto com mais quentes (NCs, a maioria das brasileiras). Na foto ao lado esfumei beeem, quase como se estivesse removendo o produto da minha mão, e dá para ver que ela continuou iluminada! O Mary-Lou é bem pigmentado, então sugiro passar pouco e bem de leve se você só quiser o look de pele saudável e não de bola de discoteca.


Os lugares que as pessoas costumam passar iluminador são o alto da maçã do rosto, o arco do cupido (aquele 'v' no lábio superior) e o osso do nariz. Há alguns pincéis específicos para isso, como o F35 Tapered Highlighter e o F55 Small Duo Fibre da Sigma, o MAC 184 Duo Fibre Fan Brush, o Makeup Geek Cheek Highlighter Brush e o Real Techniques Setting Brush. Mas eu não tenho nenhum destes, então passo com o dedo ou com um pincel de sombra mesmo.

Você pode ver o Mary-Lou em uso nesta selfie, nesta make e neste tutorial.

Minha irmã comprou no Beauty.com por US$24, mas você pode encontrá-lo na The Beauty Box por R$89,90.


Já conhecia o Mary-Lou? Qual seu iluminador preferido?

Seja o primeiro a comentar