Sobre o meu cabelo - Help, please!

17.10.14


O que fazer quando em dúvida? Perguntar aos universitários. Neste caso, minhas caras leitoras. O tema é meu cabelo, não muito comentado aqui no blog (você pode ver todos clicando no marcador 'cabelo' na barra à direita), mas ainda importante.

Quem segue o blog ou meu Insta (ou me conhece) sabe que cortei o cabelo há mais de um mês. Apesar de alguns terem demorado para perceber (#invisibilidade), uns dez dedos foram para o ralo! Esta parte continha o resto das minhas luzes/ombré, então ele ficou parecendo mais escuro. Tanto que teve gente que, ao invés de perguntar se eu tinha cortado o cabelo, perguntou se eu tinha pintado de preto =|

Mas que tal um overview sobre a história do meu cabelo?

Fui um bebê careca. Daquele que as pessoas dizem "que gracinha" por não saber se é "linda/fofa" ou "lindo/fofo". O pouco que eu tinha enquanto criancinha era castanho claro, bem fino e liso. Conforme fomos crescendo (eu e o cabelo), ele foi escurecendo e meu signo leão deu as caras através da juba que se formou. Não tinha muito não. Mas era meio enrolado, bagunçado.

O foco aqui é o cabelo, não a monocelha, ok?

Como criança mais velha ele cresceu ainda mais e o 'peso' (continuou bem fino) o deixou mais liso escorrido. A cor deu uma escurecida. E daí veio a (pré-)adolescência e c**** tudo. Ele ficou armado, seco, sem brilho/vida, com umas ondas não definidas (daí eu penteava e piorava), com pontas duplas e todos os outros adjetivos negativos para cabelos. Eu até cheguei a fazer cauterização e escova de chocolate mas nada adiantou. Acabava deixando ele preso em um rabo de cavalo para não me irritar. A frase "cabelo ruim é que nem bandido: ou tá preso ou tá armado" me definia.


Ele melhorou um pouco com o tempo, mas eu não o aguentava mais! Precisava de mudança! Após anos querendo fazer algo no meu cabelo, acabei cortando bastante e fazendo luzes (aquela com touca) nele logo antes de ir para o meu intercâmbio na Austrália. Tem hora melhor de mudar quando você está indo para um lugar onde ninguém te conhece? Eu gostei do resultado (a selfie em que estou corada). O meu cabelo já estava mais liso nesta época e o clima de Down Under (apesar de ser muito similar ao nosso) deve ter feito bem para ele. Eu não fazia nada e ele estava sempre ok. No ano seguinte, passei um mês no Texas, EUA, e nunca o vi tão liso! É o que acontece quando se está em um deserto e não há umidade.

Na primeira foto eu tinha feito escova (e ainda não tinha luzes) e na última, babyliss (mostrei aqui), as outras são com o meu cabelo natural

Mas é claro que ele estava seco e sem brilho. Clarear o cabelo faz isso. Ainda mais quando você não faz hidratação no cabeleireiro mais top da cidade duas vezes por mês. E quanto mais ele crescia, pior ficava. Inclusive, teve um momento em que eu fiquei obcecada por arrancar minhas pontas duplas. Minha família até brigava comigo por causa disso! O retoque das luzes foi de meses para muuuitos meses (minha mãe não queria que eu o estragasse ainda mais) e acabou ficando um semi-ombré natural. Resolvi aceitar esta condição e fui fazer o próprio ombré no salão, mas não rolou. Não repeti e, em busca de novas mudanças, cortei tudo fora.

Eu já tinha em mente fazer algum outro tipo de clareamento nele, mas posterguei por não ter nenhum cabeleireiro para fazer isto. Ele ficou tãooo mais sedoso, com brilho, macio, sem pontas duplas, liso e comportado que eu fiquei na dúvida se pintava mesmo. O problema é que eu acho que o cabelo quase preto não combina comigo e com o meu tom de pele. Me sinto a Mortícia. Ou a Victoria, de Revenge. E é aqui que vocês entram! Me ajudem a escolher o que fazer com o meu cabelo respondendo a pergunta abaixo! E indiquem cabeleireiros bons e que cobrem menos de 10% do meu salário ;)


Você talvez goste

8 comentários

  1. Adorei o texto. Me identifiquei com um monte de coisas :-) Quer saber? Linda, de qualquer forma que vc escolher! Beijo grande.

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Silvia, que bom que gostou do post!
      Obrigada pelo elogio =)

      Excluir
  2. Seu cabelo deve ter escurecido pois para mim ele era castanho claro. Acho que deve curtir um pouco seu novo visual .Talvez deixar para mudar quando estiver mais segura em relação ao que fazer. Eu adorei as fotos e lembrei de como vc era sapeca e engraçada.Espero que as pessoas gostem do post e ajudem dando opinião. Bjs da mamis.

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Sabia que você ia falar para eu deixar assim hehe!! Quem sabe quando eu encontrar um cabeleireiro bom e barato?
      Tbm gosto de lembrar como eu era "sapeca e engraçada" ;)

      Excluir
  3. Nossa Fernanda! achei que vc está linda assim. ..bjs

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Obrigada, Nivea!!!! Adorei você ter comentado =)

      Excluir
  4. Acho vc linda!!!!
    Sei que cabelo claro suaviza os traços e por isso quase todas as mulheres se identificam.
    Na foto em que vc está com delineador, ele fica perfeito. É como se um tom escuro valorizasse o outro.
    Acho também que poderia passar um tempo assim, até para mantê-lo saudável e depois

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Acho que vou fazer isso mesmo, tia! Obrigada pelo comentário =)
      *Não se esqueça de colocar seu nome para eu saber que é você hehe!

      Excluir

Siga no Pinterest

Curta no Facebook