5 Coisas que Você Precisa Saber Antes de Fazer Intercâmbio na Austrália

quinta-feira, 13 de agosto de 2015


Ontem, 12/ago, fez 5 anos que eu embarquei para passar 6 meses na Austrália. Se você leu este post aqui (item 11), sabe que fazer intercâmbio foi uma das melhores decisões que já tomei e recomendo que todos tenham esta experiência. Para comemorar esta data e relembrar os velhos tempos, resolvi falar um pouco sobre a terra do canguru para ajudar quem está pensando em ir para lá!

Para quem não sabe, eu mantive um blog durante o meu intercâmbio na Austrália para deixar a minha família por dentro de tudo que estava acontecendo comigo. Se você tiver interesse em ir para Down Under (ou se apenas estiver curioso), entre no The New Adventures of New Fernanda (dois blogs, três vezes a palavra 'new'...quanta criatividade), mas só depois de ler este post, ok?

Lembre-se que estas são as percepções de uma pessoa que esteve na Austrália há 5 anos, ou seja, muita coisa pode ter mudado.


1. Em 2011, a Austrália era o país com a maior proporção de estudantes internacionais. Ou seja, se você está pensando em ir para lá para ter contato com australianos, pense duas vezes. A menos que você estude em uma high school ou em uma universidade, o seu contato com eles será mínimo. Pela proximidade regional, espere encontrar muitos orientais (coreanos, japoneses, filipinos e indianos). Já do ocidente, suíços, turcos, brasileiros e colombianos lotam o país.

2. Mesmo se você tiver contato com os australianos, não espere virar bff deles logo de cara. Apesar do que muitos pensam, eles não são abertos/extrovertidos como os brasileiros. Afinal, eles foram colonizados pelos britânicos! Se você pedir ajuda na rua, te ajudarão com o maior prazer. Mas, até mesmo por causa do ponto anterior, não te acharão mais legal e interessante por ser brasileiro (eles nem se interessam muito por futebol, então...). Ah, evite contato físico (cumprimentar com abraço e beijinho). Os meus hosts ficaram bem incomodados quando fiz isso no primeiro dia.

3. Por falar em Homestay...a impressão que tive é que eles fazem isto pelo dinheiro. No meu caso, os filhos deles cresceram, saíram de casa e eles resolveram alugar cada um dos três quartos para estudantes. Sim, ela lavava nossas roupas, fazia a janta e montava a nossa lancheira (juro! Olha aqui). Mas era isso. Nosso único contato era durante a janta, no qual a TV sempre ficava ligada e eles perguntavam se o nosso dia tinha sido bom. A troca cultural era mínima. Depois nós levávamos a comida para a cozinha, passávamos água nos pratos, colocávamos tudo na máquina de lavar louça e cada uma ia para o seu quarto. Famílias com crianças geralmente se envolvem mais com os estudantes porque criança é criança em qualquer lugar né.


4. Sabe quando gringo pensa que tem macaco pulando de árvore em árvore no meio da Av. Paulista? Está bem longe da nossa realidade, mas nem tanto da australiana. Lá tem muito bicho e os australianos são super protetores com eles. Não vi nenhum crocodilo fora do zoológico, mas vi cangurus na frente de uma universidade perto de Brisbane (veja aqui), fui em um parque aberto que tinha coalas, as iguanas são frequentes nos parques da cidade e as lagartixas, nem se fala.

5. A Austrália é um país caro. Lembro que um dos pontos positivos de lá, enquanto decidia para qual país ir, era o fato de não ser tão caro, porque não era euro/libra. Chegando lá e tendo que gastar dinheiro, percebi que de barato não tinha nada. Tanto que só comia em restaurantes fast food e, em seis meses, comprei apenas dois itens (uma meia calça preta e uma bolsa Country Road). Ainda bem que eu não curtia maquiagem, um batom da MAC lá custa AUS$36 (~R$92, contra R$69 aqui)! Eu dividia um apartamento de dois quartos com mais 4 pessoas e pagava AUS$250 por semana de aluguel+luz+água (~R$2.555 por mês!). Isto em Brisbane, cidade mais barata do que Sydney e Melbourne, há 5 anos.

Para quem não segue Kathleen Lights - das expensive = that's expensive = isto é caro!

Relendo agora, acho que este post ficou quase um 5 Motivos para Você Não Fazer Intercâmbio na Austrália. Mas esta não foi minha intenção! Eu adorei o país e meu intercâmbio lá. Só acho que teria sido bom saber destes pontos antes para não ter tantas surpresas...mas isso faz parte!

Caso você esteja pensando em ir para Brisbane - além de entrar no meu outro blog - sugiro assistir esta reportagem aqui que fizeram lá. E se tiverem gostado deste post, posso fazer mais com dicas e curiosidades...gosto de falar da Austrália tanto quanto de batons ;)


Seja o primeiro a comentar