Resenha Too Faced Love Flush Blush em Baby Love

segunda-feira, 14 de novembro de 2016


Eu sei que eu disse que o Clinique Cheek Pop (resenha) era o blush mais bonito da minha coleção. Mas isso mudou quando o Too Faced Love Flush entrou em cena. Ele veio para provar que existe sim amor à primeira vista e que ele pode ser eterno (ou quase isso).

EMBALAGEM | Já contei aqui que tenho uma quedinha por produtos com a embalagem da mesma cor do produto e a Too Faced é craque neste quesito. Além disso, o formato em coração roubou o meu, assim como o escrito em dourado e o fecho magnético. Quando você pensa que não dá para melhorar, a parte de dentro te mostra um lindo alto relevo com o nome da marca e um desenho com plantinhas e dois coelhinhos. E obviamente tem um espelho para nossa felicidade.

Definição de 'tenho pena de usar'. E ainda bem que só toquei nele depois de fotografar pois a primeira passada de dedo já estragou um pouco o desenho. Outro ponto negativo (só para ser chata mesmo) é que o formato é um pouco complicado para guardar. O meu fica em pé e preciso deixar de ponta cabeça para não ficar balançando.


NOME | Este nunca é um tópico nas resenhas, mas a Too Faced adora brincar com os nomes dos produtos e acertou nesta linha de blushes. Os Love Flush (aquela corzinha nas bochechas de quem está apaixonado), para combinar com a embalagem de coração, levam nome de músicas de amor. Além de Baby Love (The Supremes), temos Justify My Love (Madonna), I Will Always Love You (Whitney Houston), Love Hangover (Diana Ross), How Deep Is Your Love (Bee Gees) e Your Love Is King (Sade). É muito amor (literalmente), né gente?

COR | Geralmente compro um blush porque gosto da cor/fórmula. Neste caso foi diferente. Eu queria um Love Flush de qualquer jeito e depois fui ver qual das cores iria comprar. Eu queria I Will Always Love You por causa da música mas acabei com Baby Love por não ter nenhum parecido na minha coleção.


É descrito como 'nude suave com pequenos brilhos dourados'. Pela embalagem e no swatch comparativo parece ter um fundo pêssego, mas nas bochechas fica um nude levemente rosado. O brilho dourado é bem discreto, sendo perceptível apenas quando bate a luz. É uma cor muito bonita e versátil, ótima para quando você não sabe o que usar pois combina com qualquer make.

FÓRMULA | Sem parabenos, sem glúten e cruelty-free, o Love Flush promete ser pigmentado e fácil de esfumar graças à fórmula macia. Realmente é bem pigmentado e precisa ter uma mão leve na aplicação pois não é tãooo fácil assim de esfumar (mas nada que um pincel limpo não ajude a consertar). A fórmula macia faz com que solte bastante pó, o que ajuda a 'estragar' o desenho de Baby Love

DURAÇÃO | A Too Faced clama que o Love Flush dura 16h. Difícil de acreditar, mas já usei uma vez por 14h e outra por 18h e ele continuava lá firme e forte! Ok, não tão firme nem tão forte, mas definitivamente visível. Impressionante, visto que blush é sempre o primeiro item a desaparecer do meu rosto. Well done, Too Faced!


Infelizmente, a Too Faced não está disponível no Brasil. Você pode encontrar o Love Flush Blush nas lojas da Sephora USA e aqui no site por US$26 (~R$90 para 6g). É um blush caro porque esta é uma marca high end, mas ainda é mais barato que o da NARS (US$30/R$186 para 4,8g), por exemplo. Mesmo assim, recomendo muito dar uma olhada caso você vá para a terra do Trump. Embalagem e nome mais fofos ever, cores bonitas, fórmula pigmentada que dura quase uma eternidade. 


2 comentários:

  1. Amei o post e o seu blog, que layout mais fofo!!!! Estou seguindo <3

    www.isabellazogheib.com

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Obrigada, Isabella! Que bom que gostou :)
      Mas seu layout é muuuuito mais fofo!

      Excluir